INFORMAÇÃO É PODER

DADOS, DICAS E RECEITAS DE VIDAS SEM GLÚTEN



terça-feira, 7 de junho de 2011

Kelloggs sem glúten

A Kelloggs americana não resistiu à pressão do crescente número de consumidores intolerantes ao glúten e lançou no mercado, este mês, Rice Krispies sem glúten. Assim que li aqui enviei um mail à Kelloggs portuguesa a perguntar se irão disponibilizar este produto no nosso país... se formos muitos a perguntar o mesmo, pode ser que o coloquem cá. Se quiserem demonstrar interesse, podem escrever para o endereço apoiokelloggs@netcabo.pt ou deixar mensagem nesta página (se funcionar, eu não consegui):





















Update
A Kelloggs portuguesa respondeu-me sem responder... ora vejam:

"Exma. Sra.,
Agradecemos o seu contacto e a sua sugestão.
Na gama de produtos Kellogg’s em Portugal, os cereais Frosties, Rice Krispies, Choco Crispies Original e Corn Flakes não contêm glúten na sua composição. No entanto, a Kellogg’s não pode garantir em absoluto a ausência de vestígios de glúten nestes produtos, dado que a linha de produção é também utilizada para cereais com glúten.
A decisão final do consumo ou não dos nossos cereais terá sempre der ser tomada pelo seu médico."

1º O que o meu filho come sou eu que decido, não é a pediatra dele e mal estaríamos se tivessemos que consultar os médicos sempre que quisessemos comer algo;
2º Na composição dos Rice Krispies em Portugal figuram os seguintes ingredientes (info retirada do site da Kelloggs): Arroz, açúcar, sal, aroma de malte de cevada, niacina, ferro, vitamina B6, riboflavina (B2), tiamina (B1), ácido fólico, vitamina D, vitamina B12. Que parte de malte de cevada é que não tem glúten?
3º Se não acautelam a contaminação cruzada, temos que assumir que são produtos com glúten.
4º Concluo que a Kelloggs portuguesa não tem produtos aptos para uma dieta isenta de glúten, nem lhes interessa ter.
5º Vou ter que lhes explicar isto.

4 comentários:

Regina Miranda disse...

Lamentável!
A Kellogg’s, assim como as demais empresas de alimentação, poderia pelo menos colocar em seus rótulos que os produtos têm "traços de Gluten".
Ficaríamos agradecidos.

Abraços e parabéns pelo seu empenho.
Regina Miranda

Lucente disse...

Concordo Regina. E acredite que vocês no Brasil estão mais avançados do que nós a nível de rotulagem, os produtos brasileiros que encontro em Portugal têm todos a menção da isenção ou não de glúten.

Silvia Kawaguti disse...

Aqui no Japão é a mesma coisa!O rótulo é igualzinho. Então, eu também não compro; primeiro por medo e, segundo porque mesmo que seja seguro, é uma empresa que não se importa com quem tem alergia ou intolerância. Eu sempre me pergunto para que colocar malte ou aroma de malte num cereal de milho...Pior é o de arroz integral, que tem trigo na composição!

Lucente disse...

Obrigada pelo comentário Silvia. Acredito que não seja fácil encontrar cereais sem glúten no Japão, especialmente porque não parece haver muitos celíacos aí, logo não há mercado que interesse à kellogs. Do que me lembro quando vivi aí já não havia sequer grande escolha de cereais "normais", quanto mais sem glúten.
Por outro lado, deve ter muitos produtos de arroz... Tenho que ver se arranjo uma receita de karaage sem glúten ;-)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...